Número total de visualizações de página

domingo, fevereiro 19, 2017

2016 FECHA UM CICLO - ÉPOCA DE 2017 TRAZ NOVIDADES

Em jeito de despedida da Casa do Benfica de Alcobaça do atletismo distrital em 2016, ficam 11 épocas cumpridas entre 2005/2006 e 2015/2016, havendo a acrescentar dois títulos desportivos alcançados, os últimos da Casa do Benfica em Alcobaça, não noticiados no blogue atletismo alcobacense: Mariana Almeida foi campeã distrital infantil do dardo e Nuno Martins foi campeão nacional master de Pentatlo de Lançamentos, no escalão M45.
A secção de Atletismo por intermédio do seu director cessante, Nuno Martins, agradece o apoio generosamente prestado pela direcção da Casa do Benfica em Alcobaça, na pessoa do seu presidente cessante Francisco André, a todos os atletas que representaram o emblema nas pistas e em provas de estrada e corta-mato, pois sem o apoio do Sr. Presidente e demais elementos da direcção não teria sido possível manter uma secção de atletismo activa e dinâmica durante 11 anos, com tantas boas memórias de treinos e de competições, de fracassos que nos fortaleceram e de vitórias que nos deixaram orgulhosos e confiantes. Obrigado Casa do Benfica em Alcobaça !!

O redactor deste Blogue assume agora, bem mais do que antes, o papel de um cronista de opinião sobre os temas do atletismo em Alcobaça, praticado sobretudo em clubes de Alcobaça mas não só, estando avalizado para esta escrita por ser atleta federado de há longo tempo, ser treinador com formação (actualmente inactivo) e ser também juiz de atletismo, ser um cidadão alcobacense, de Portugal e do Mundo. Se o meu olhar e experiência sobre a modalidade puder ser útil a outros alcobacenses, e juntamente com os vários actores do atletismo nacional puder contribuir para valorizar este desporto e o país, ficarei satisfeito, visto que esta modalidade me dá imensa satisfação pessoal.

Em termos de presente e de futuro próximo eis as novidades: transferi as minhas valências enquanto técnico de atletismo, dirigente e atleta, para o Ginásio Clube de Alcobaça, contando para tal com o apoio da direcção do clube, presidida por José Mateus. A vocação do novo emblema federado será, mais facilmente, o atletismo master, no qual pessoalmente me agrado em praticar, sem deixar de lado uma possível e desejável aposta nos escalões jovens de formação, em próximas épocas, reunidas determinadas condições.
A próxima competição será, tudo leva a crer, o Campeonato Nacional Masters de Pista Coberta, a 18 de Março, por isso um até já.

domingo, maio 08, 2016




Balanço da Época até ao final de Abril
ALCOBACENSES COM ALGUMAS PRESENÇAS NO PÓDIO

                                                    Alguns atletas de Alcobaça marcam presença no calendário distrital, nacional e internacional desde Janeiro, havendo a registar três atletas da Casa do Benfica em Alcobaça com presença no pódio.
Assim, Pedro Teopisto, dos benfiquistas, é o atleta com mais medalhas conquistadas, pois alcançou, no Campeonato Nacional Master de Lançamentos de Inverno (Leiria), o 2º lugar no martelão e o 3º lugar no lançamento do peso, na categoria M35. O mesmo atleta alcançou o 3º lugar do pódio no Campeonato Nacional de Masters em Pista Coberta (Pombal), na prova de comprimento M35, com a marca de 4,87 metros. Na mesma competição, mas no escalão M40, Nuno Martins (CB Alcobaça) obteve o terceiro lugar no lançamento do peso, com a marca de 10,04 metros.
No dia 25 de Abril, na pista de Pombal, no Torneio do AC Vermoil, Mariana Almeida, atleta infantil da Casa do Benfica em Alcobaça, foi terceira classificada na prova de dardo (400g), ao lançar o dardo a 17,44 m, e foi 4ª nos 60m, com 9,11 segundos.
Referência ainda para a participação do atleta master alcobacense, individual,  João Santos, no Campeonato Nacional de Pista Coberta, sendo 4º nos 60m do escalão M40, com 8,20 segundos. O mesmo atleta foi terceiro no Campeonato Distrital Absoluto de Leiria em Pista Coberta, na prova dos 60 metros planos e marcou presença em Itália no Campeonato da Europa de Masters, em pista coberta, na mesma distância.
O atleta master alcobacense Paulo Carreira, da Juventude Vidigalense, foi 4º classificado no Nacional de Masters em Pista coberta, na prova dos 60m barreiras, no escalão M40.
De referir que, coletivamente, a Casa do Benfica em Alcobaça alcançou a posição trinta no setor masculino, do Campeonato Nacional de Masters em Pista Coberta, entre 69 clubes que pontuaram, posição que poderia ter sido bastante melhor se o clube pudesse contar com a pontuação dos alcobacenses João Santos e Paulo Carreira, que optaram por representar outros emblemas ou representar-se individualmente.









quarta-feira, janeiro 20, 2016

CASA DO BENFICA EM ALCOBAÇA INICIA A SUA ÉPOCA DESPORTIVA


10 Aspetos a salientar no início da época e o calendário oficial de competições

1- Desconhecendo para já o que o futuro lhe reserva, a Casa do Benfica em Alcobaça arrancou com a sua 11ª época desportiva consecutiva com clube federado na Federação Portuguesa de Atletismo, contando este grupo de treinadores e atletas com a boa vontade, confiança e bom acolhimento por parte da direção presidida por Francisco Trindade André.
 2- Nesta época desportiva Nuno Martins prossegue como seccionista e diretor desportivo do Atletismo da CB Alcobaça, mas há novidades na pista, a ser Emanuel Almeida a assegurar os treinos regulares no municipal de Alcobaça, três vezes por semana, à segunda , quarta e sexta-feira, com início às 18.30 e encontro na pista, na zona da partida dos 100m.









Emanuel Almeida assegura os treinos da CB Alcobaça
3-À data desta publicação há seis atletas filiados na FPA pela CB Alcobaça: Alexandre Valério, Mariana Almeida e Rúben Santos, dos escalões jovens e Pedro Teopisto, Emanuel Almeida e Nuno Martins, como veteranos, ou "masters", na nova designação. O início de época fica assinalado pela implementação de uma plataforma informática -"Lince"- pela Federação Portuguesa de Atletismo, que permite modernizar todo o processo de novas inscrições, transferências, seguros, exames médicos-desportivos, de todos os agentes desportivos envolvidos, atletas, juízes, dirigentes e clubes.
4- O blogue ou sítio da internet retoma a designação "Atletismo Alcobacense" à data desta publicação, tendo em conta que foi a sua designação original, deixando de lado  o nome "Atletismo federado praticado em clubes de Alcobaça", que assumiu durante o último ano.
5 - A designação que se deixou cair foi uma tentativa de especificar  e expressar melhor o âmbito da atividade por nós desenvolvida, restringindo o campo,  face ao surgimento do movimento de corrida e caminhada "Alcobaça em Andanças" e à evolução assinalável do Atletismo no âmbito do Desporto Escolar, dinamizado pelo professor Joaquim Luís Marques. Retoma-se a designação original por uma questão de precedência, sem prejuízo do assinalável progresso do movimento "Alcobaça em Andanças" e do Atletismo do Desporto Escolar.
6- A opção agora é utilizar o nome Atletismo Alcobacense deste blogue, assim designado desde 2005, com a mesma liberdade e responsabilidade do que até aqui, dando prioridade e destaque ao clube Casa do Benfica em Alcobaça que atualmente representamos e pelo qual nos responsabilizamos, excluindo-nos de responsabilidades que cabem a outros.
7-  Estamos também naturalmente recetivos e motivados, em certa medida, a registar e a acompanhar, por iniciativa própria, o evoluir do "Alcobaça em Andanças" e do grupo/clube "Chitas de Alcobaça", seus "pontas de lança". Também o faremos sobretudo no tocante ao recém-filiado na FPA: o clube AECA - Agrupamento de Escolas de Cister Alcobaça, oriundo do Desporto Escolar mas com  a novidade absoluta da sua filiação na FPA, nesta época, contando à data, com18 atletas filiados, treinados por Joaquim Luís Marques. O CRP de Ribafria, da freguesia da Benedita e o Burinhosa, do norte do concelho, também apresentam habitualmente atletas federados em competição em certas provas de estrada ou até em pista, como no caso do CRP Ribafria, sendo natural fazer-lhes referência, eventualmente, pois estão abrangidos pelo campo da nossa observação regional. 
8- O blogue "Atletismo Alcobacense" é o "órgão de informação" responsável pela divulgação da atividade desportiva do grupo de atletas e treinadores que representam atualmente a Casa do Benfica em Alcobaça. Além disto, fieis ao ideal do atletismo na região de Alcobaça, como seus representantes, acompanhamos na medida do possível a atividade dos outros grupos acima referidos, quer sejam populares, escolares, federados ou não federados, respeitamos a todos, mas que fique claro que não temos a possibilidade de nos responsabilizarmos pela divulgação e promoção dos seus resultados e atletas.
9- Fazemos e faremos uma divulgação não comprometida dos acontecimentos de atletismo que nos chamarem a atenção, envolvendo atletas e clubes de atletismo do concelho. Uma abordagem amadora: quem gostar que goste, e a quem não lhe agradar dê sugestões pela positiva ou faça melhor. Às "nossas" notícias da secção da CB Alcobaça daremos um tratamento sistemático porque estamos presentes nos eventos.
10- Alexandre Valério, o primeiro atleta da CB Alcobaça a competir esta época, disputou os 3000m do Campeonato Distrital de Juniores de Pista Coberta, em Pombal, no dia 17 de janeiro, obtendo a segunda posição do seu escalão. É, deste modo vice-campeão distrital na sua primeira competição como atleta federado, ele que teve como predecessores no atletismo a sua irmã Daniela Valério, nos anos 2000 e o seu pai, Jorge Valério, nos anos 80. 









Alexandre Valério: vice-campeão distrital júnior dos 3000m em pista coberta, pela CB Alcobaça

11-  A ADAL (Associação Distrital de Atletismo de Leiria) divulgou o seu calendário distrital, nacional e internacional, do qual salientamos as provas que nos interessam:


24-Jan-16    Torneio Jovem de Pista Coberta + Provas extra (Juv/Jun/Sen) +
                     Torneio Provas Combinadas ANAV                              Pombal Pista Coberta ADAL 
14-Fev-16 Campeonato Distrital de Corta Mato Longo, Juniores e Juvenis     Pedreiras Corta-Mato ADAL
20-Fev-16  Campeonato Distrital de Lançamentos Longos Leiria - CNL Pista ADAL

27-Fev-16  Campeonato Nacional de Lançamentos Masters a definir Pista ar livre FPA
27-Fev-16  Meeting Cidade de Pombal Pombal Pista Coberta ADAL 

5-Mar-16 5 Convívio de Benjamins e Infantis VI (Zona Sul) Alcobaça Convívio ADAL
5-Mar-16  Jornadas de Lançamentos - Etapa I Leiria - CNL Pista ar livre ADAL

6-Mar-16  Trail Off Road da Barreira - CD Trail curto Barreira Trail ADAL
12-Mar-16 Campeonato Nacional de Masters em Pista Coberta Pombal - Expocentro Pista Coberta ANAV
13-Mar-16  Meeting Jovem Cidade de Pombal Pombal - Expocentro Pista Coberta ADAL
13-Mar-16  Campeonato Distrital de Rampa (7 km) Reixida Montanha ADAL

13-Mar-16  Campeonato de Portugal de Corta-Mato Longo, Juniores e Juvenis Albufeira Corta-Mato FPA
19-Mar-16  Torneio de Encerramento P. Coberta + Salto em Altura em Sala   Pombal Pista Coberta ADAL
29-Mar-16 3-Abr-16 Campeonato Europeu de Masters de Pista Coberta   Ancona (ITA) Pista Coberta EMA
24-Abr-16  Trail de Pombal - CD Trail longo Pombal Trail ADAL
24-Abr-16  Milha de Cristal Marinha Grande Estrada ADAL
25-Abr-16  Meeting Jovem do ACV + C.D. 5.000 (fem) + 10.000 (masc)    Pombal Pista ar livre ADAL
30-Abr-16 Jornadas de Lançamentos - Etapa II Leiria - CNL Pista ar livre ADAL
30-Abr-15 1-Mai-15 Atleta Completo Distrital Leiria Pista ar livre ADAL
7-Mai-16 8-Mai-16 Campeonato Distrital de Provas Combinadas Rio Maior Pista ar livre ADAL
8-Mai-16   KM Jovem do GAU (Km Distrital) + Provas Extras Leiria Pista ar livre ADAL
14-Mai-16 15-Mai-16 Olímpico Jovem Distrital Marinha Grande Pista ar livre ADAL
21-Mai-16  Meeting Fernando Alves Marinha Grande Pista ar livre ADAL
22-Mai-16  III Torneio de Atletismo de Pista Joaquim Murraças Nazaré Pista ar livre ADAL
24-Mai-16  Jornadas de Lançamentos - Etapa III Leiria - CNL Pista ar livre ADAL
28-Mai-16 29-Mai-16 Campeonato Nacional de Clubes ao Ar Livre - Apuramento V.Castelo/Fátima/Setúbal Pista ar livre FPA

28-Mai-16 29-Mai-16 Taça dos Clubes Campeões Europeus de Pista - Grupo B Leiria Pista ar livre EA

29-Mai-16 29-Mai-16 10.ª Corrida ao Farol e 3.º Grande Prémio Jovem Burinhosa Estrada ADAL

4-Jun-16 5-Jun-16 Campeonato Distrital de Juniores Rio Maior Pista ar livre ADAL
11-Jun-16 12-Jun-16 Campeonato Distrital de Absolutos Pombal Pista ar livre ADAL
18-Jun-16 19-Jun-16 Campeonato Distrital de Juvenis Pombal Pista ar livre ADAL

19-Jun-16  Trilhos Loucos da Reixida Reixida Trail ADAL
22-Jun-16  Jornadas de Lançamentos - Etapa IV Leiria - CNL Pista ar livre ADAL
25-Jun-16 26-Jun-16 Campeonato de Portugal / Campeonato Nacional de Sub-23 Maia Pista ar livre FPA
25-Jun-16   Taça de Portugal - Corrida em Montanha - 5.ª jornada Stª. Marta de Penaguião Montanha FPA
25-Jun-16  Campeonato Distrital de Infantis Óbidos Pista ar livre ADAL
29-Jun-16  Jornadas de Lançamentos - Etapa V Leiria - CNL Pista ar livre ADAL

3-Jul-16 GP Caranguejeira Caranguejeira Estrada ADAL
6-Jul-16  Jornadas de Lançamentos - Etapa VI Leiria - CNL Pista ar livre ADAL
6-Jul-16 10-Jul-16 Campeonato da Europa de Atletismo Amsterdão (NED) Pista ar livre EA
9-Jul-16 10-Jul-16 Campeonato Nacional de Juniores Viseu Pista ar livre FPA
9-Jul-16 10-Jul-16 Campeonato Nacional de Masters a definir Pista ar livre FPA

16-Jul-16 17-Jul-16 Campeonato Distrital de Iniciados Pombal Pista ar livre ADAL

19-Jul-16 19-Jul-16 Interassociações Jun/Sub23 Lisboa Pista ar livre AAL

19-Jul-16 24-Jul-16 Campeonato do Mundo de Juniores Kazan (RUS) Pista ar livre IAAF
23-Jul-16 24-Jul-16 Torneio Internacional de Lançamentos Leiria Pista ar livre ADAL
 

30-Jul-16 31-Jul-16  Torneio de Provas Combinadas do  Bairro dos Anjos    Leiria Pista ar livre ADAL

12-Ago-16 20-Ago-16 Jogos Olímpicos Rio de Janeiro (BRA) Pista ar livre COI/IAAF

27-Ago-16  Corrida da Praia da Vieira Praia da Vieira Estrada ADAL

 
7-Set-16 18-Set-16 Jogos Paralímpicos Rio de Janeiro (BRA) Pista ar livre IPC
10-Set-16   Trail do Lapedo Lapedo Trail ADAL
24-Set-16  GP da Amieirinha Amierinha Estrada ADAL
 
1-Out-16   Pirilampos Night Run - 2.ª edição Bajouca Estrada ADAL
23-Out-16  ADRMata Street Run - 3.ª edição Mata - Milagres Estrada ADAL
26-Out-16 6-Nov-16 Campeonato do Mundo de Masters Perth (Australia) Pista ar livre

segunda-feira, julho 20, 2015

Campeonato Nacional de Masters em Óbidos
ALCOBACENSES DA CASA DO BENFICA COM 2 TÍTULOS E 6 PÓDIOS

A equipa masculina da Casa do Benfica de Alcobaça, composta por Emanuel Almeida, Nuno Martins e Pedro Teopisto, marcou presença em Óbidos no Campeonato Nacional de Masters, para atletas de 35 e mais anos de idade. Alcançaram o 18.º posto da classificação coletiva, com 60 pontos,  entre 74 equipas, tendo sido vencedor o C.F. "Os Belenenses", com 428 pontos. A Casa do Benfica de Alcobaça conseguiu ser, como é hábito desde há vários anos, o melhor clube do distrito de Leiria, nesta competição, ficando muitos pontos acima do ID Vieirense, Juventude Vidigalense, AC Vermoil e Leiria Marcha Atlética, os outros clubes do distrito presentes.
Em termos individuais o destaque vai para os dois títulos revalidados de Nuno Martins (escalão M40) no martelo (26m84 - recorde pessoal) e martelão (8m44), e dois terceiros lugares, no peso (9m74) e no disco (26m04). Emanuel Almeida (escalão M35) foi 2º no salto em altura (1m40) e 3º nos 400m barreiras (1.15.5), marcando pontos também no comprimento (4m83) e nos 100m (12.89). Pedro Teopisto (M35) alcançou o 4º lugar no peso (9m63 - recorde pessoal) e marcou pontos nos 100m (13.50)  para a equipa.





terça-feira, julho 14, 2015

Balanço da época é positivo
ALCOBACENSES BEM NO TORNEIO DO BAIRRO DOS ANJOS (resultados aqui)

Está finalizada para muitos a época dos escalões de formação com a participação no XVIII torneio de provas combinadas do Bairro dos Anjos, disputado em Leiria no passado fim de semana.
Com a realização, no próximo fim de semana, dos campeonatos absolutos de pista de Leiria, em Leiria, e do Campeonato Nacional de Masters, em Óbidos, termina a época para a Casa do Benfica de Alcobaça. Terão ainda lugar, em Leiria, no fim de semana seguinte, os Campeonatos de Portugal, prova máxima do atletismo em Portugal, a nível individual.

O Torneio de Provas Combinadas do Bairro dos Anjos contou com a presença de vários jovens atletas alcobacenses, em quase todos os escalões, alguns deles bastante destacados na classificação. Foi o caso de Rodrigo Fragoso, do Agrupamento de Cister (AECA), 2º classificado em infantis (M), ou de Inês Carreira, da Juventude Vidigalense, 4ª classificada em iniciados (F), e Gonçalo Soares (AECA), 4º classificado em iniciados(M). Beatriz Carreira (AECA) foi 5ª em benjamins (F), Mariana Almeida (CB Alcobaça) foi 8ª em infantis (F), Mário Alexandre (AECA) foi 5º em juvenis (M), escalão no qual Rúben Santos (CB Alcobaça) foi 7º. Rafael Freitas (AECA) foi 6º em iniciados (M). Rafaela Martins (CB Alcobaça) e Miguel Costa (AECA) não completaram todas as provas do seu programa, pelo que foram desclassificados da classificação final, embora mantendo as marcas obtidas nas provas realizadas. O Agrupamento de Escolas de Cister alcançou o 5º lugar da geral coletiva, enquanto a CB Alcobaça foi 14ª classificada. A vitória foi da Juventude Vidigalense.

Em jeito de balanço da época da Casa do Benfica de Alcobaça, nos escalões jovens, há a registar um progresso assinalável, normal, dos resultados dos seus atletas, nas várias provas, sem haver uma especialização estrita, para já, das provas em que participam. O destaque em termos de resultados é para os lugares de pódio no campeonato distrital obtidos por Mariana Almeida, 2ª no peso de infantis e por Janine Oliveira, 2ª no martelo de juvenis. Nas fotos Mariana Almeida no pódio, à esquerda e Janine Oliveira, na pista.  
 

terça-feira, junho 16, 2015



Distrital de Pista de Infantis, Benjamins e Juvenis
ALCOBACENSES NO PÓDIO COLETIVO E INDIVIDUAL


O Campeonato Distrital de Infantis, Benjamins e Juvenis de Pista, realizado em Pombal , a 10 de Junho, revelou jovens talentos do atletismo de todo o distrito. Salientamos os bons resultados dos atletas e clubes de Alcobaça, que alcançaram várias vezes o pódio, inclusive alcançando títulos. Os melhores resultados vieram através de Rodrigo Fragoso, infantil do Agrupamento de Escolas de Cister Alcobaça, campeão dos 60m e dos 60m Barreiras. A equipa infantil masculina do AE Cister Alcobaça subiu ao pódio no terceiro posto, o que é de saudar. Outro título de campeão distrital foi obtido pela benjamim Beatriz Carreira (AE CA) no arremesso de bola. Já no caso da Casa do Benfica de Alcobaça, as suas atletas Mariana Almeida e Rafaela Martins alcançaram diversas finais nas 8 primeiras posições (60m barreiras, dardo e 600m ) mas foi no lançamento do peso que Mariana Almeida alcançou o segundo lugar no pódio. Coletivamente a CB Alcobaça, em infantis femininos, conseguiu um bom 4º lugar. Regista-se o bom resultado do CRP de Ribafria, também do concelho de Alcobaça, que ficou na 5ª posição no conjunto dos dez clubes pontuados. 
Relativamente ao juvenis da CB Alcobaça, com Rubén Santos presente em 200m e 800m, destaque para o segundo lugar no pódio de Janine Oliveira na prova de martelo.

Para mais detalhes consultar: Artigo da Associação Distrital de Atletismo de Leiria sobre os CD Infantis

terça-feira, abril 28, 2015

IV Meeting Jovem do AC Vermoil
25 DE ABRIL COM RECORDE DE PARTICIPAÇÃO

Desde os tempos em que a camioneta da Câmara Municipal de Alcobaça levou dezenas de atletas do atletismo da AACD ao estádio de Leiria e à mata dos Marrazes, nos anos 80, que Alcobaça não inscrevia tantos atletas em prova federada da Associação de Leiria. De Alcobaça foram 25 atletas, no dia 25 de Abril, ao 4º Meeting Jovem do AC Vermoil, realizado na pista sintética de Pombal ao ar livre. No total estiveram 153 atletas, de todos os clubes.
A participação alcobacense repartiu-se por três entidades: Agrupamento de escolas de Cister, com 15 jovens, CRP Ribafria, com 7 atletas e Casa do Benfica em Alcobaça, com 3. A estes 25 temos ainda de acrescentar os dois atletas de Alcobaça que correm e lançam pela Juventude Vidigalense; dessa forma ascendem a 27, os alcobacenses.
Da parte que nos diz respeito, Casa do Benfica em Alcobaça, estiveram as infantis Mariana Almeida e Rafaela Martins, nos 60m e salto em altura, ambas, tendo Mariana Almeida sido 9ª nos 60m, com 9.67 (1.05 no salto em altura);  Rafaela Martins foi 9ª no salto em altura, com 1m10 e realizou 10.25 aos 60m. Também a juvenil Janine Oliveira representou a CB Alcobaça nos 300m, sendo 7ª, com 60.35. A CB Alcobaça foi 9º classificado no meeting.
O Agrupamento de Escolas de Cister, com 15 atletas, obteve seis presenças no pódio, com destaque para o 1º lugar de Rodrigo Fragoso nos 60m de infantis masculinos, com 8.67. Alcançaram o pódio nos 80m os iniciados Tiago Martins e Gonçalo Soares; nas barreiras o juvenil Mário Alexandre, e no dardo o infantil Rodolfo Carvalho e o iniciado Miguel Costa. O Agrupamento de Cister conquistou um honroso 3º lugar colectivo no meeting.
O CRP Ribafria, presente com 7 atletas, alcançou o 5º posto, podendo os resultados individuais ser consultados.
Os alcobacenses da JV estiveram bem:  o juvenil Miguel Batista foi 2º na sua série de 300m, com 38.55 (3º da geral)  e Inês Carreira venceu o dardo de iniciadas, com 30m53.

http://www.adal.pt/images/merged_document.pdf  (comunicado oficial de resultados)

terça-feira, abril 21, 2015

Km Jovem Distrital
CB Alcobaça retorna às competições 

A Casa do Benfica em Alcobaça retornou às competições dos escalões de formação e de novos atletas, depois de um interregno de cerca de duas épocas em que apenas manteve atletas já formados ou autónomos, perfazendo três anos que esta renovação não acontecia. A CB Alcobaça vem desenvolvendo o atletismo desde há dez anos, sem interrupção.
Este pequeno grupo recém-formado de quatro atletas esteve em Leiria, na abertura da época de pista ao ar livre, no quilómetro distrital, alcançando o 10º lugar coletivo, entre os 17 clubes participantes.
Na foto estão as atletas infantis Rafaela Martins (4.44.66) e Mariana Almeida (5.15.28), e juvenil Janine Oliveira ( 4.56.35); juntou-se-lhes o juvenil Rúben Santos (4.09.30).















                 Por Alcobaça esteve ainda uma representação de sete atletas no âmbito do Desporto Escolar, do Agrupamento de Escolas de Cister, que obteve o 7º lugar coletivo, com destaque para os 3º e 5º lugar individuais das gémeas, do escalão de iniciadas, Diana Santos e Laura Santos, que correram os 1000m  em 3.25.09 e 3.34.10, respectivamente.

Eis a Classificação coletiva:

1 19:01,19 6 JV JUVENTUDE VIDIGALENSE
2 20:30,01 6 CAMG Clube Atl. Marinha Grande
3 22:17,62 6 ACV Atlético Clube de Vermoil
4 21:16,80 5 BVB-L Bombeiros Voluntários Bombarral
5 13:17,16 4 BA Ass. Desportivo Cultural Recreativa Bairro dos Anjos
6 13:40,28 4 GAC-L Grupo Atletismo Caranguejeira
7 14:17,80 4 AE-CA Agrupamento de Escolas CISTER-ALCOBAÇA
8  9:19,54 3 NDAP Núcleo Desporto Amador de Pombal
9  10:26,00 3 CPRAB Centro Popular e Recreativo de A-do-Barbas
10 13:50,31 3 CBA Casa do Benfica em Alcobaça
11 6:12,95 2 CAOB Clube de Atletismo de Obidos
12 6:38,76 2 ACB-L Atlético Clube da Batalha
13 7:10,76 2 GDP-L Grupo Desp das Pedreiras
14 7:27,95 2 ADRM Associação Desportiva e Recreativa da Mata
15 7:40,16 2 CANAZ Clube Atletismo da Nazaré
16 7:50,43 2 LMA-L Leiria Marcha Atlética
17 2:55,24 1 GAUB Grupo Alegre e Unido da Bajouca

Comunicado oficial: http://www.adal.pt/images/Resultados_Gaub_FINAIS.pdf


Campeonato Distrital de Lançamento de Inverno
Para constar nos registos faz-se referência à primeira competição do ano por atletas da CB Alcobaça.
Nuno Martins esteve presente no campeonato distrital (absoluto) de lançamentos de Inverno, no Centro Nacional de lançamentos, em Leiria, a 14 de Fevereiro,  sendo 5º no dardo, com 32m90 e 5º no disco, com 26m53 e muita chuva.

quinta-feira, novembro 27, 2014

Lista de Campeões Alcobacenses no Atletismo
ALCOBAÇA É VIVEIRO DE GRANDES CAMPEÕES


São várias dezenas de homens e mulheres de Alcobaça que na atualidade ou num passado mais ou menos recente se salientaram no atletismo a nível distrital ou a nível nacional. A voragem do tempo e a alta rotatividade do desporto e desta modalidade deixaram alguns destes campeões um pouco esquecidos. Pois bem, no fundo, é a história desportiva destes homens e mulheres, integrados na sociedade de Alcobaça,  os seus feitos extraordinários, que dão encanto e feição humana a este desporto e conferem a magia e a aura dos campeões que tanto fascina. Vamos dar a conhecer estes atletas e as vitórias que os celebrizaram.
 Os atletas no ativo têm o seu nome sublinhado. As iniciais L, D , N, I, para os níveis local, distrital, nacional internacional, marcadas por cores que procuram realçar, desde o amarelo, passando pelo laranja até ao vermelho e roxo, usadas para acentuar a relevância de cada atleta, a nível local, distrital, nacional ou internacional. 

Artur Borda (à direita)-L D N  I - Foi campeão nacional da Maratona, em 1985, representando o Penichense, com uma marca na ordem das 2h 20 minutos. A verdade é que Artur Borda representou várias épocas o Clube de Campismo de Alcobaça (1982, 1983 e 1984), equipa que seria desmantelada e transferida por inteiro para o Penichense, em 1984/1985, por falta de condições oferecidas ao atletismo em Alcobaça, o mesmo problema que se mantém atualmente, 30 anos depois. A ida para o Penichense, em 1985 e o título de campeão nacional da maratona por esse clube, teve como consequência imediata a colocação de uma cobertura de saibro na pista de Alcobaça, um melhoramento que existia antes da era do tartan e que foi muito bem visto por todos, só pecando por tardio, um prémio para o Atletismo de Alcobaça pelo título nacional de Artur Borda. O atleta foi catapultado para grandes competições, participando em prestigiadas maratonas na Europa e na América, como a maratona de Nova Iorque. Lesões ao nível nos tornozelos e tendão de Aquiles obstruíram a carreira deste atleta, que durou poucos anos.

Martinho Isaac Delgado (à esquerda) - L D  -Maratonista competitivo nos anos 80, era companheiro de clube de Artur Borda, no Clube de Campismo de Alcobaça, e registou uma marca de bom nível, de 2h 48 minutos, só superada a nível local pela chegada de Desidério Pires, nos anos de 2009-2013.

Joana Arduíno - N - Treinada por Vitor Zabumba e representando o Estreito (Madeira), salientou-se nas provas de velocidade de 100, 200 e 400m, nos anos 90, pertencendo então à elite nacional destas distâncias. Na foto podemos ver Joana Arduíno à esquerda representando a seleção de Portugal numa estafeta.
Carlos Santos - L D N - Um colosso do atletismo, provavelmente o melhor atleta de Alcobaça pela qualidade dos seus resultados, é atleta do SLB, sendo recordista distrital de Leiria dos 1500m, dos 3000m e dos 5000m. Foi campeão nacional juvenil dos 1500m. O auge da sua carreira deu-se nos anos 90. Representou o GC Alcobaça em 2001. Representou também Óptica 2001 (Peniche), CBES Maiorga e Bairro dos Anjos.

Melanie Santos - L D N  I  - É atleta de alta competição no triatlo onde já foi campeã da Europa de Juniores por equipas, representando Portugal. No atletismo, foi campeã distrital de corta-mato e de 3000m em pista coberta, pela Casa do Benfica em Alcobaça, nos seus tempos de juvenil( janeiro de 2011). Atualmente, no atletismo representa a Juventude Vidigalense. Apostada no triatlo, prepara a sua carreira para estar presente nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, Brasil, em 2016.



Fátima Crespo (no meio dos rapazes)- L D N Extraordinária na velocidade, no fim dos anos 70 e início dos anos 80, com marcas muito fortes em 100, 200 e 400m, em pistas de cinza, que hoje muito poucas atletas, com melhores condições, conseguem alcançar, a nível distrital. Clubes: Gafa e Campismo.

Mário Santos- L D N  - Mais um colosso, Mário Santos (do restaurante A Mãe) foi, pela AACD, campeão e recordista distrital de 100, 200 e 400m, em 1988. Durante anos a velocidade masculina no distrito de Leiria foi dominada por este e outros alcobacenses.

Diamantino Faustino - L D N - Um velocista, mais um, alcobacense, com uma carreira ilustre, no atletismo. Nos tempos em que o atletismo na Associação de Desportos de Leiria (ADL) estava ainda pouco desenvolvido, como em Alcobaça havia muito movimento de atletas, Diamantino Faustino, já com funções diretivas, foi mentor, com outros, de que a atual ADAL deveria ter sede em Alcobaça, o que na época não era nada descabido. Como as coisas mudaram!  Diamantino participou ativamente nas provas do 1º passo, em Alvalade e no Estádio Nacional, nos anos 60 e inícios de 70, tendo ganho algumas provas de velocidade e feito furor como dos mais destacados atletas da província, com destaque nos jornais desportivos da época. Salientou-se num torneio de atletismo realizado em Alcobaça entre a Equipa do Ginásio de Alcobaça e o Sport Lisboa e Benfica, nos tempos áureos do atual Estádio Municipal, vencendo a prova de 100m aos atletas do Benfica. Ingressou depois no Benfica onde foi várias vezes campeão nacional nas estafetas de 4x100m. Foi treinador e dirigente do Ginásio Clube de Alcobaça, na área do atletismo, antes de 1974. Manteve-se ligado à modalidade e passou o testemunho aos mais jovens. Durante muitos anos praticou treinos e provas como veterano, em provas como o lançamento do peso, comprimento e altura, com marcas fantásticas para a sua idade. Com os seus conselhos e ideais desportivos, que nunca deixou de transmitir, é das pessoas com melhor memória do atletismo local e nacional e com mais experiência, que temos entre nós.

Emanuel Manzarra (atrás, ao centro) - L D N-Velocista, destacou-se sobretudo nos 100m, nos quais foi recordista distrital, baixando o recorde de Leiria até aos 11.12 segundos, nos anos 90. Representou a AACD, o Ginásio de Alcobaça, o Desportivo de Pombal, o Bairro dos Anjos e a Juventude Vidigalense. Conquistou muitos títulos de campeão distrital em 60m, 100m, 200m e estafetas de 4x100m e 4x400m.

Catarina Alves- L D  - Atleta velocista, de 60, 100 e 200m, representou o CBES Maiorga, alcançando excelentes marcas nessas distâncias, estando no topo - nº 1-  das melhores atletas locais de todos os tempos.

Isabel Raposo - L D N - Atleta multifacetada, Isabel Raposo fez uma carreira recheada de êxitos, representando o seu clube do coração, o CBES Maiorga, destacando-se sobretudo nas distâncias de meio-fundo, 800 e 1500m, mas também fez um pouco de tudo no atletismo, dedicando-se às provas combinadas. No final dos anos 80 foi variadíssimas vezes às seleções distritais, tendo sido convocada para o Olímpico Jovem na Madeira. De uma alegria e força de vontade contagiante, Isabel Raposo não deixou ninguém indiferente. Foi campeã distrital numerosas vezes.

Paulo Carreira - L D N - Gigante, quer em altura, quer nos resultados desportivos, estamos a falar do recordista distrital dos 3000m obstáculos, recorde que perdura há 20 anos. Iniciou-se no Bárrio, na URBA, destacou-se no meio-fundo, com títulos distritais e participação em campeonatos nacionais, tendo alcançado o estatuto de alta competição. Representou a Óptica 2001 - Peniche e o Benfica. Foi treinador de atletismo no Ginásio Clube de Alcobaça. Trouxe a Alcobaça o salto com vara em frente do mosteiro, o CisterVara.

João Santos - Atleta velocista, destacou-se nos anos 80 nas distâncias curtas e nas estafetas, sendo um elemento fundamental nas estafetas da AACD que disputaram os títulos distritais, em compita com o Sporting de Pombal.


Luís Bernardes - L D N  - Velocista muito regular, sem atingir altos níveis e recordes,  foi no entanto decisivo como entusiasta das equipas no Campismo e na AACD, preponderante nas estafetas e no espírito de equipa, "o treinador" de Alcobaça durante várias épocas, nos anos 80. Introduziu novidades no treino da velocidade, em Alcobaça, estando a par dos melhores conhecimentos técnicos da época. Treinou Mário Santos, Emanuel Manzarra, João Santos, Nuno Martins. Mais tarde dedicou-se ao treino do Andebol, apontando a falta de apoios locais ao Atletismo como motivo para a saída. Chefiou a comitiva de Alcobaça representante de Portugal nos Jogos Sem Fronteiras, programa de entretenimento muito popular, com o apresentador Eládio Clímaco.








João Paulo Santos (o primeiro, à direita) - L D N  I  -Velocista, nunca atingiu níveis muito elevados, nem títulos nem recordes, mas persistiu muitas épocas na modalidade, em 60, 100, 200 e 400m, e salto em comprimento. Teve alguns pontos altos ao ser selecionado distrital no DN Jovem e recordista distrital de estafeta iniciados. A sua presença assídua e o seu modo de ser determinado e metódico granjearam-lhe o reconhecimento da comunidade dos atletas em Alcobaça. Atualmente treina e compete como veterano, tendo competido internacionalmente em campeonatos da Europa de Masters, em três ocasiões: em pista coberta,  em S. Sebastian, Espanha,  e, já na presente época, em Budapeste, Hungria, e ao ar livre, em Izmir, na Turquia. Pratica há 30 anos, tendo iniciado o atletismo em simultâneo com Nuno Martins, em Setembro de 1983, com o Clube de Campismo. Representou o Campismo Alcobaça (CCCA), o Penichense, AACD, Planalto, CBES Maiorga, Ginásio Alcobaça e CBA. Atualmente é individual, sem clube, sendo treinado por Joaquim Marques.

Ana Costa - L D N - Atleta com uma curta passagem no atletismo, nos anos 70, em que participou no 1º passo, no estádio nacional, tendo ganho os 1000m infantis, que lhe valeram o recorde nacional da distância e do escalão, durante alguns dias, em 3.17.1 minutos,  o que na época teve enorme impacto ao ponto de o feito não ter sido esquecido, servindo de estímulo para atletas que apareceram mais tarde, em Alcobaça. Trinta anos depois, menos alguns dias, Filipa Eutíquio viria a quebrar a marca de Ana Costa.










Ana Mafalda Ferreira - L D N  I - Natural de S. Martinho do Porto, é a mais destacada atleta do atletismo no panorama concelhio, na atualidade e de todos os tempos, tendo por perto Filipa Eutíquio, Melanie Santos e Joana Arduíno, em termos de estatuto adquirido. Mas Ana Mafalda está, por enquanto, acima de todas elas, até porque Joana Arduíno já deixou a modalidade, Melanie Santos dedicou-se mais ao triatlo e Filipa Eutíquio está a iniciar-se como sénior, enquanto Ana Mafalda é uma atleta sénior experiente, que representou muitos anos o Estreito, da Madeira, tendo esta época ingressado no Sporting Clube de Portugal. Ana Mafalda Ferreira corre distâncias desde os 3000m e superiores, correndo por vezes a estafeta de 4x400m , quando o clube lhe pede. Vitórias por todo o país e estrangeiro, em provas de corta-mato, estrada, meias-maratonas, 10 quilómetros, participações na seleção nacional, presença assídua no pódio, participações ao mais alto nível em campeonatos de Portugal e campeonatos nacionais de clubes pelo seu clube, fazem dela uma atleta de top a nível nacional, desde há meia dúzia de anos e na atualidade. Faltam-lhe ainda alguns títulos de campeã nacional para se tornar mais destacada, quem sabe esta época, no Sporting, alcança essa projeção.














Marcos Neto -  L D N - Um atleta muito talentoso, que abandonou precocemente a modalidade, foi recordista distrital infantil do martelo (28m76) e do disco (33m25), na mudança do milénio, tendo alcançado bons resultados nas provas combinadas até ao escalão juvenil e sendo chamado por várias ocasiões à seleção distrital, para o Olímpico Jovem Nacional e para o Atleta Completo Nacional. Representou somente o Ginásio Clube de Alcobaça, pelo qual conquistou vários títulos de campeão distrital e honrosos lugares nas provas das Beiras e Olímpico Jovem.  Dotado de velocidade e força explosiva, é um atleta com talento para regressar assim queira, com alguma qualidade. Ele, com Gerson Costa e Filipa Eutíquio, formam o trio maravilha que passou pela orientação de Nuno Martins, como treinador.

Pedro Teopisto - L D N - Um velocista de espírito muito generoso, dada a entrega que sempre manifestou. Iniciou-se no Ginásio de Alcobaça, no final da década de 90, clube onde evoluiu, passando depois pelo Bairro dos Anjos e Juventude Vidigalense. Vários títulos de campeão distrital de estafetas, no seu currículo, inclusivé dois deles obtidos, por sinal, na única prova oficial disputada até hoje na pista de tantan de Alcobaça, no ano 2000. Nos primeiros anos da década de 2000, fez um percurso de alto nível na Juventude Vidigalense, a ombrear com os melhores velocistas distritais e com as melhores estafetas a nível nacional. Desde 2004-2005 regressou às origens e tem ajudado o clube local, AACD ou Casa do Benfica de Alcobaça, logisticamente e como atleta, ainda que tenha deixado de treinar assiduamente.

Gerson Costa - L D  - O filho mais velho de Ana Costa teve uma passagem fulgurante no Ginásio de Alcobaça (1997 -2001) e, de infantil até juvenil, ganhava quase todas as provas de meio fundo em que participava, arrebatando títulos distritais em 800, 1000 e 1500m , corta-mato e estrada. Seleções distritais e Kilómetro Jovem das Beiras eram palcos para o seu talento.





Marco Teopisto - L D N  Muito coordenado e talentoso, era excelente em barreiras altas, velocidade pura e salto em altura. Iniciou-se no Ginásio de Alcobaça no fim dos anos 90 e deixou marca com os melhores resultados de sempre, em Alcobaça, nessas disciplinas atléticas. De 1,85 no salto em altura como juvenil, em Alcobaça, evoluiu até 1,95 no Bairro dos Anjos, como júnior e sub23. Problemas com o joelho afastaram-no do salto em altura e das pistas. No regresso às origens para um regresso às pistas nos 100m, pelo clube local, protagonizou um acidente grave num treino, em vésperas de um campeonato nacional de clubes, de que resultou um traumatismo craneano, no que foi o mais grave acidente com um atleta na pista de tartan de Alcobaça. Recuperou bem mas deixou a modalidade, com saudade.



Nuno Martins L D N  - Iniciou a modalidade em 1983-1984, juntamente com João Paulo Santos, tendo Luís Bernardes como treinador. Não sendo especialmente forte em nenhuma disciplina, experimentou quase todas as disciplinas e enveredou pelas provas combinadas. Em 1990, representando o Desportivo de Pombal, foi o 3º classificado no campeonato nacional de juniores do decatlo e 7º classificado nos campeonatos nacionais de juniores de pista , na prova do dardo. Conquistou quatro títulos de campeão distrital absoluto no decatlo, de 1989 a 1993, período em que liderou a tabela no distrito de Leiria. No campeonato nacional absoluto, nesta prova, obteve o 5º posto, o 7º posto e o 9º lugar, em três participações, alcançando como melhor marca 5137 pontos, em 1993. Passou por vários clubes: Campismo Alcobaça (CCCA) ; Penichense; AACD; Desportivo de Pombal; Ginásio de Alcobaça; Lovelhe; Valenciano; AACD (de novo) e Casa do Benfica em Alcobaça (CBA). Treinador e delegado em 1988-1989 (AACD) e desde 1994-95 (Ginásio Clube de Alcobaça, AACD e CBA); juiz de atletismo desde 2008. A sua vertente principal foi sempre a de atleta, atualmente como veterano na CB Alcobaça, pela qual conta já com 6 títulos de campeão nacional master, em provas de lançamentos, alcançados em 2011, 2012 e 2014.









Samuel Santos - L D N  I  - Atleta muito dedicado, desfrutando do desporto como poucos, salientou-se no atletismo ao dedicar-se durante uma temporada à marcha, na Casa do Benfica em Alcobaça, sendo o atleta concelhio com melhor resultado nessa disciplina, ascendendo ao pódio no campeonato distrital e estabelecendo a melhor marca concelhia da marcha atlética, nos 10km, um pioneiro concelhio, ao nível sénior. No entanto, motivos profissionais afastaram Samuel Santos das pistas, mas não do desporto, participando a nível popular, individual, em provas de 10km, trail, meias-maratonas, maratonas, triatlos e ultramaratonas, em Portugal e sobretudo no estrangeiro. No entanto, em Alcobaça, ficou célebre a fantástica aventura de Samuel Santos, de bicicleta, de Roma até Alcobaça, que foi anunciada na imprensa, apoiada por várias instituições e empresas e concretizada com sucesso.

Filipa Eutíquio - L D N  I - Atleta de excecionais qualidades físicas e psicológicas, destacada meio-fundista do distrito de Leiria e bem posicionada no contexto nacional. É bastante forte em 800m, 1500m e 3000m obstáculos. Representa a Juventude Vidigalense, de Leiria desde 2011-2012 e realizou a sua formação desportiva inicial na Casa do Benfica em Alcobaça, durante cinco épocas, desde 2006-2007 até 2010-2011 onde alcancou logo excelentes resultados, sendo vencedora distrital do corta-mato, do quilómetro distrital, do torneio olímpico jovem, provas de pista e estrada, sendo até uma atleta de provas combinadas bastante forte, do pódio distrital. Com o ingresso na Juventude Vidigalense enveredou definitivamente pelas provas de meio-fundo e deixou de fazer velocidade, saltos, barreiras e lançamentos, que fazia quando estava inscrita em Alcobaça, além de fazer também os corta-matos e o meio-fundo, onde obtinha os melhores resultados. Pela CB Alcobaça alcançou o recorde nacional de infantis em pista coberta na prova dos 600m. Atualmente é a campeã distrital absoluta de 3000m obstáculos e participa sempre ativamente na equipa da Juventude Vidigalense, presentemente a equipa 3ª classificada na Iª divisão nacional, quer em pista coberta, quer ao ar livre. Filipa Eutíquio é solicitada a dar o seu importante contributo na equipa. Filipa Eutíquio internacionalizou-se recentemente em França , onde venceu uma prova de estrada.  







João Pedro Silva - L D N  I  - Incluído nos campeões de atletismo pela vertente do Triatlo, modalidade que tem características que a diferenciam do atletismo propriamente dito, nomeadamente em termos de organização federativa, João Pedro Silva, à parte este considerando de ser um atleta do triatlo, é , sem sombra de dúvidas, o melhor atleta do concelho de Alcobaça, ponto final. Natural da Benedita, teve um percurso notável como júnior sendo campeão do mundo nesta categoria em duatlo e vice-campeão do mundo de triatlo. Alcançou três títulos de Campeão do Mundo de Sub23 e três vitórias na taça do mundo de triatlo. Um seu resultado mais expressivo e que faz dele o melhor triatleta português de sempre, foi o seu 9º lugar nos Jogos Olímpicos de Londres, no dia 04-08-2012. Representou clubes da região de Lisboa, entre os quais o Sporting, tendo-se transferido para o SL Benfica em Janeiro de 2013. No atletismo já representou a Juventude Vidigalense, de Leiria , em provas internacionais como o Campeonato da Europa de Clubes - escalão de juniores. Participou em iniciativas locais, na Benedita, para promoção e divulgação do triatlo e formação de um clube local dedicado ao triatlo.
O seu enorme desempenho  valeu-lhe o reconhecimento nacional, tendo sido galardoado com o troféu de melhor atleta português, masculino, do ano 2010, na gala do desporto da Confederação do Desporto de Portugal.

















Emanuel AlmeidaL D N  - Tendo começado muito cedo no atletismo da URBA - Bárrio, no final dos anos 80 e inícios dos anos 90, Emanuel Almeida viria a ingressar, sete épocas volvidas, na equipa do Ginásio de Alcobaça, representando e bem este emblema por 4 épocas. As suas provas preferidas são os 110m barreiras, os 400m barreiras, 100m, comprimento, altura e estafetas. Desde a primeira hora na Casa do Benfica em Alcobaça, quando esta equipa foi formada em 2005/2006. Esteve sempre presente nos melhores momentos destas equipas de Alcobaça, quer pelo G.C. Alcobaça quer pela Casa do Benfica, como por exemplo na melhor participação masculina de Alcobaça no Campeonato Nacional de Clubes de Pista (apuramento), a de 2001, em Rio Maior, em que o G.C. Alcobaça se classificou na 29ª posição nacional, muito próximo da qualificação para a terceira divisão, tendo os atletas do meio-fundo e obstáculos, Carlos Santos e Silvino Figueiredo, transitado na época seguinte para a Juventude Vidigalense ( significa que esta equipa do G.C. Alcobaça "não valia nada"-lol - pois "para a JV serviam"). Emanuel Almeida teve nesta competição uma prestação muito boa, ao realizar 6.00m no salto em comprimento, mínimo de pontuação e máximo pessoal do atleta. Emanuel Almeida esteve em todas as participações da Casa do Benfica nos Nacionais de Clubes e esteve nas duas vezes em que a CB Alcobaça subiu ao pódio em terceiro, nos distritais absolutos. Foi campeão distrital absoluto do heptatlo de pista coberta (dezembro 2010).

Glória Serrazina - L D N  - Atleta veterana muito destacada, representou desde sempre o CRP da Ribafria (Benedita) e é uma campeã das provas de montanha, maratonas e ultra-maratonas, trail e mega-trail, em Portugal e no estrangeiro, apresentando inúmeras vitórias nestas competições. É quase desconhecida para quem somente frequenta os ambientes de provas de pista (e pista coberta) mas é sobejamente conhecida nos círculos sociais ligados ao trail e à montanha.

Desidério Pires - L D N  I - Maratonista e ultra-maratonista ativo no período de 2008 a 2013, alcançou um interessante registo pessoal na maratona de 2h40:47, obtidas em Badajoz, Espanha, em 2012. Representou a Casa do Benfica em Alcobaça e, nessa qualidade, evoluiu nas provas de 3000m em pista coberta, 1000m, 5000m e 10.000m em pista ao ar livre, participando em campeonatos distritais, nacionais de clubes e nacionais de maratona, tendo neste particular obtido o seu resultado nacional  mais destacado em provas olímpicas, com a 8ª posição, em 2011. Outro feito assinalável a nível nacional, que conferiu enorme prestígio a Desidério Pires foi a vitória, em dois anos consecutivos, na Ultra-Maratona Caminhos do Tejo, de Lisboa a Fátima (140 km)- em 2010 e 2011, um feito notável já que se trata da corrida mais longa disputada em Portugal. Desidério Pires liderou este segmento da competição a nível nacional, durante estas duas épocas.


Outros atletas ligados a Alcobaça: Carlos Neto; João Santos (escurinho); Rui Coelho (ex. presidente da Câmara); Basílio Martins; Carlos Marques (Recauchutagem 31); Jaime Leão; Davide Cardeira; Manuel da Bernarda (Cerâmicas S. Bernardo); Paulo Simão (de Pombal); Diogo Caseiro (da Batalha); Silvino Figueiredo (de Leiria); Nelson Tavares; Tiago Lopes; Beatriz Silva;  Emanuel Duarte; Tiago Caetano; João Pereira;  Sérgio Branco; Miguel Ribeiro; Gonçalo Arêde; Hélder Sousa; José Bernardes; João Aleixo; Vitor Zabumba ( da Nazaré); António Vasconcelos ( de Caldas da Rainha); Rosalina Silva; Luís Serrazina (Ribafria); José Eutíquio; e muitos mais ........